Como se tornar um influenciador digitalWelcome to the HomeStyle shop!

Como se tornar um influenciador digital

Quem acompanha nosso perfil no Instagram (siga aqui!) viu que recentemente participamos de um evento sobre o mercado de influenciadores do Like to Know It. A partir dos insights que tivemos ao longo do talk com Lu Ferreira, Luisa Accorsi e Rhelden, resolvemos compilar algumas dicas para quem quer ingressar na carreira de Influenciador.

Como o mercado novo que é, tudo tem sido descoberto através das experiências das pessoas que se propõem a ingressar em um novo formato de trabalho e criar oportunidades de monetizar. Mas como bem sabemos, todas as profissões tem seus desafios e aprender com quem introduziu essa jornada pode render alguma vantagem em questão de produtividade, tempo e eficiência no trabalho. Sim, o assunto são os influenciadores e mais do que nunca para se destacar como tal é preciso se profissionalizar. Agora vamos as dicas:

PESQUISAR TENDÊNCIAS É ESTAR SEMPRE UM PASSO A FRENTE

Estudar é essencial em qualquer carreira, mas quando falamos de trabalho com a internet é primordial se atualizar sobre as tendências e novas tecnologias. Lu Ferreira, a frente do Chata de Galocha, destacou que o incentivo para criar vídeos no Youtube partiu de um estudo perto de 2013 que previa o crescimento potencial do tráfego de usuários da internet neste tipo de conteúdo – tempos depois foi realmente o que aconteceu! O fato é que inserir-se em um contexto, rede social ou plataforma que já está em seu ápice de sucesso pode não ser a sacada mais inteligente, afinal destaca-se quem inova primeiro e para isso é importante inserir em sua rotina de trabalho um espaço para pesquisar o que há de novo por vir e cuidar para estar o mais próximo possível de ser precursor nesse movimento ou tendência.

O PODER DA VIDA REAL AO ALCANCE DE TODOS

É certo que cada influenciador compartilha um estilo de vida e nesse sentido cada um escolhe a sua vertente. Mas a vulnerabilidade tem sido a palavra da vez quando o assunto é engajamento com o público e é por esse motivo que o conteúdo que aproxima da vida real tem se tornado uma estratégia simples mas muito efetiva. Luisa Accorsi destacou em sua fala ao longo de todo o evento que, por mais que há algum tempo tenhamos idolatrado perfis com fotos perfeitas e “pensadas”, o momento hoje é de quem se mostra próximo e expõe sua vida real na internet. Nessa lógica, influenciadores com uma pitada de humor sobre o cotidiano tem ganhado destaque assim como abordagens sobre autoestima e autoconhecimento.

ENCONTRE UMA FORMA DE COMUNICAR A SUA VERDADE

Trabalhar como influenciador é uma das carreiras mais integradas a vida pessoal – quase sempre não existe hora para um post e é praticamente impossível dividir o tempo como indivíduo e como profissional. Como o conteúdo depende de insights ao longo do dia a dia, é imprescindível que você comunique a sua verdade para que, além de se destacar pela autenticidade, a rotina de trabalho full time se torne prazerosa e menos exaustiva. Rhelden destacou a importância da escolha do seu nicho como também o quanto este assunto principal do seu trabalho deve fazer sentido com o seu estilo de vida, para se tornar algo ainda mais espontâneo e potencialmente gerador de identificação.

E agora vai uma dica bônus para quem chegou até aqui: aproveite o relacionamento com seu público para estar sempre por dentro do impacto do seu conteúdo e da sua influência. O poder das redes sociais consiste em grande parte no instantâneo da percepção e interação, por isso busque extrair o máximo de feedback sobre o seu trabalho com os seus próprios seguidores, afinal o seu público vale muito mais que ouro nessa profissão.

Stéfany Freu